Esporro Público 2017 - #RIPLemmy - UOL Blog

Preconceito, Bullying, Sexualidade, drogas. Todos esse elementos fizeram deste filme um vencedor.

Quando a fã supera a musa do Teatro e se torna a estrela.

Um clássico que conquistou gerações.

Ele é badass Muthafucka de todos os tempos. Bate nos bandidos, pega todas as mulheres e sempre com essa manha de durão.

Com direito a trilha sonora de Isaac Hayes, vencedora do Homenzinho dourado.

Shaft!

Ás vezes a obsessão é mais forte do que a perfeição.

Um filme para os que sabem e podem fazer a diferença.

J.K. Simmons está espetacular como o implacável professor. Digno de um Oscar.

Esse filme não é pra ser levado a sério, mas esse filme é do KISS.

Com produção de Joseph Barbera, o filme é um misto de Beatles com Scooby Doo.

Faz mais de dez anos que me lembro do sufoco que passei na faculdade de jornalismo.

Me lembro como se fosse ontem quando eu levei um balde d'água fria ao saber que tava com três DPs na grade curricular, mas por sorte não fui reprovado.

O que me causou desconforto foi porque eu menti, eu quase repiti, eu sobrevivi.

Meu pai sofreu muito por pagar todas as despesas da facul e minha saudosa mãe quase teve um ataque cardíaco.

Sei que não fui um bom aluno, mas tive a sorte de não repetir o erro.

Galera, por vários motivos eu não pude comemorar meus dez anos desse blog, por estar atarefado com muitas coisas.

Desde então, eu venho por meio deste informar que me ausentei do blog por estar ocupado com o curso de TI, pois quero, desesperadamente, por uma nova oportunidade de emprego.

Sei que a crise do nosso país é braba, mas não posso desanimar.

Com certeza, vou continuar postando coisas que eu gosto, como a sétima arte e a música em geral.

Agradeço a compreensão.

Uma viagem de uma Nova York repleta de afro-americanos, latinos, coreanos e italo-americanos.

Spike Lee mandou ver nessa epopéia.

Fight the Power!

Se os Mamonas Assassinas existissem hoje, dariam um banho nessas modinhas de hoje. Estariam mais maduros musicalmente.

Uma pena que o destino seja mais trágico que a alegria.

Quatro jovens com transtorno de Espectro Autista formam um grupo de comediantes para contar piadas sobre o cotidiano.

Um documentário sobre a rotina desses meninos que encantam e fazem refletir sobre o TEA.

Primeiro filme da parceria Scorsese e De Niro.

Nova York na cola da Máfia, Boates imundas, Sangue derramado.

O ano mal começou e estamos no meio de incertezas quanto ao futuro. Enquanto o povo não sabe se vai ter um novo impeachment, os egípcios políticos decidem agora se vão colocar as cartas sobre a mesa.

Com a perda de Teori Zavaschi, o STF terá que se mexer para colocar uma pessoa à altura para definir a Operação Lava-Jato.

Estaremos esperando por mais capítulos a seguir.

Essa semana foi de euforia e tragédia.

Euforia para os Palmeirenses que conquistaram o nono título do Brasileirão (não vou mais chamar de Copa Edilson Pereira!). O Glorioso Palestra esperou 22 anos para se vangloriar desse feito histórico.

Mas o que vai marcar essa semana é a tragédia do time da Chapecoense.

Vários clubes, entidades do futebol e imprensa resolveram se unir para que o time de Chapecó não esteja traumatizado.

Como torcedor do Palmeiras, decidi ser sócio da Chapecoense.

#somostodoschape!

Foi realizado no Cine Olido o festival In-Edit, no qual foi exibido o documentário Brasil Heavy Metal.

Dirigido por Ricardo Micka (Santuário), o documentário foi rodado desde 2008, e desde então foi uma epopéia para realizar esse registro. Precisava de um financiamento coletivo para angariar fundos para lançá-lo.

O longa começa com dois adolescentes sedentos por Metal e precisavam formar uma banda para conseguir sucesso. Mas são nos depoimentos que a magia acontece.

E figurinhas carimbadas não faltam, como Andre Matos, Tony Monteiro, Luis Calanca, Sergio Dias, Ricardo Batalha, Charles Gavin, Rolando Castello Jr., Walcir Chalas, Igor Cavalera, João Gordo, Andreas Kisser, Syang, Oswaldo Vecchione, Celso Barbieri, Marcello Pompeu, Silvio Golfetti, Dick Siebert, China Lee, Hélcio Aguirra (RIP), Carlos Lopes, Integrantes das bandas Azul Limão, Taurus, Sarcófago, Chakal, Santuário, entre outros.

Nada foi ignorado, desde os tempos da Ditadura, a formação das bandas, até o Rock In Rio, passando da parte de cantar em inglês.

O filme dura mais de duas horas, mas valem cada minuto para reviver toda a glória do Metal Brasileiro.

Ontem o dia foi histórico para o Braseeeellll.

Finalmente a Dilma paz e amor saiu da Egípcia Brasília e deu seu lugar para o Temer.

Mas eu reitero: Nenhum desses políticos prestam. Temer, Dilma, Lula, Aécio, Cunha...

Queria revolução política já no Planalto Central. Colocar gente nova no Congresso. Reformular TUDO!!!

Esse é o meu desejo de ver um Brasil cada vez melhor.




[ ver mensagens anteriores ]
Rodrigo Souza Mlh

Criar seu atalho
Meu Perfil
BRASIL, Homem, de 26 a 35 anos, Música, Cinema e vídeo